Imprensavoltar

Notícias

18/10/2017
Sustentabilidade
BSBIOS apresenta “Relatório de Sustentabilidade 2016”

O documento expõe os impactos da companhia na região das comunidades onde atua

relatorio 004

Sustentabilidade é um dos nossos valores estratégicos. Buscamos respeitar o meio ambiente, privilegiar a saúde, bem-estar e segurança dos nossos colaboradores e estabelecer uma relação aberta e de desenvolvimento com as comunidades onde atuamos. Na manhã dessa quarta-feira (18), a BSBIOS lançou na unidade matriz, em Passo Fundo/RS e na quinta-feira (19) em Marialva/PR, o primeiro Relatório de Sustentabilidade, produzido de acordo com as diretrizes da Global Reporting Initiative - GRI. O documento foi construído de forma engajadora, por meio de seus colaboradores, de stakeholders e da consultoria da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas – FIPE.

O presidente da BSBIOS, Erasmo Carlos Battistella, destaca que com esse Relatório foi possível mensurar e apresentar com transparência à sociedade as conquistas e desafios da companhia. “No documento expomos os impactos diretos e indiretos dos empreendimentos nas comunidades em que atuamos, mostrando os retornos econômicos, ambientais e sociais de sua instalação e produção,” afirma o empresário ressaltando que uma das premissas da empresa é de estar integrada às comunidades.

O professor da FIPE, Doutor Ariaster Chimeli, destacou que também foi realizado um estudo para verificar a contribuição da BSBIOS ao PIB de Passo Fundo/RS e Marialva/PR. “Utilizando uma metodologia inovadora foi possível fazer uma análise do que seria o PIB desses municípios se a empresa não tivesse se instalado. Como resultado verificamos que a BSBIOS contribuiu de forma direta e indireta para o PIB de Passo Fundo com um total de R$ 7,6 bilhões no acumulado entre 2005 e 2014 e, com 14,9 mil empregos adicionais no ano de 2014. Já em Marialva a contribuição para o PIB girou em torno de R$ 818 milhões, no período de 2010 a 2014, gerando 857 empregos adicionais para o município em 2014,” destacou Chimeli.

O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo, fez uma relação dos desafios econômicos que o Brasil enfrenta e o que a instalação da BSBIOS proporcionou ao município. “A BSBIOS está descolada do restante da realidade empresarial do país, aqui se tem salário em dias, investimentos, produção à pleno, o que reflete na qualidade de vida da população. Também há que se destacar a identificação da empresa com os projetos da cidade, o que é demonstrado na prática em várias áreas”, ressaltou Azevedo reconhecendo a importância da BSBIOS para a comunidade passo-fundense.

Mantendo uma relação aberta e de desenvolvimento com as comunidades onde atua, a BSBIOS apoia e promove atividades socioambientais, culturais, educativas e esportivas. O que também pode ser conferido durante o evento de apresentação do Relatório, em Passo Fundo, com apresentações culturais de dança da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE e de dança, percussão e capoeira do Projeto Transformação em Arte.

Outro ponto destacado no Relatório foi em relação a aquisição de matéria-prima para a produção do biodiesel. “A BSBIOS gera um expressivo impacto econômico e social na região quando adquire 40% da matéria-prima de que necessita da Agricultura Familiar, visto que em 2016, foi pago adicionalmente de bônus e de assistência técnica para os pequenos produtores aproximadamente R$ 11,9 milhões, beneficiando mais de 15 mil famílias,” destacou a prof. Dra. Fernanda Gabriela Borger, pesquisadora da FIPE.

O vice-presidente da Câmara de Vereadores, Wesley Araújo destacou que as conquistas não são só da BSBIOS, mas também da cidade de Marialva. “A empresa está de parabéns pelo trabalho realizado. A BSBIOS tem uma grande importância para o nosso município não só pela sua produção, mas também pelas ações que realiza na área social,” afirmou Araújo ressaltando que muitos jovens quando ingressam no meio acadêmico veem a BSBIOS como uma oportunidade para poderem buscar trabalho e aplicarem seus conhecimentos.

O presidente da Câmara de Vereadores, Patric Cavalcanti, lembrou que em 2005 e no início desse ano o legislativo foi parceiro da empresa. “No início de 2017 foi feito um amplo debate na Câmara e, hoje aqui foi demonstrado à comunidade a relevância da aprovação da cedência do terreno. Quanto mais a companhia se desenvolver mais retorno em saúde, educação e segurança a população passo-fundense terá, pois é através do retorno dos impostos que o município pode fazer esses investimentos,” ressaltou Cavalcanti desejando vida longa à BSBIOS.

BSBIOS

A BSBIOS fundada em 15 de abril de 2005 conta com duas unidades industriais, sendo a matriz em Passo Fundo (RS) e, sua filial em Marialva (PR). Com capacidade para produzir aproximadamente 576 milhões de litros de biodiesel/ano, utiliza como principais fontes de matérias-primas a soja e a gordura animal. A planta industrial gaúcha também conta uma Unidade de Processamento de Grãos, que consome 1 milhão ton de soja/ano, produzindo óleo vegetal e farelo de soja. A companhia que possui faturamento superior a R$ 2,2 bilhões, emprega diretamente aproximadamente 350 colaboradores. A usina também produz reflexos no campo, pelo menos 40% de toda a aquisição de grãos é fruto da produção de cerca de quinze mil agricultores familiares. Nos últimos anos a empresa vem se destacando entre as três maiores produtoras de biodiesel do país, sendo que em 2016 foi a companhia que teve o maior volume de vendas.

Confira a entrevista concedida a UPFTV, no Jornal A Hora da Notícia.

 

divulgue

Imagens

Vídeos

Áudios

Documentos